jump to navigation

Mulher atual Março 9, 2009

Posted by 50minutos in 1.
1 comment so far

 

Profissional de sucesso, solteira e sem filhos. Esse é o perfil da maioria das mulheres modernas. No passado, a mulher era a imagem da mãe. As perspectivas femininas eram realizar os desejo dos filhos, marido e parentes. A mulher tradicional deixava a própria vida para viver a dos outros. Mas hoje é diferente. A mulher moderna é senhora do próprio desejo, é anti-santa e nem sempre mãe. Ela se assume como dona do corpo, ocupa espaço no mercado e administra o tempo. A mulher atual usa o corpo como bem entende. Pode ser na malhação ou nos centros de cirurgia plástica. Ela ainda aproveita as conquistas das mulheres da década de 1970, como a pílula anticoncepcional e o amor-livre. A mulher que se conhece hoje está além do lar. Ela não quer ser dona-de-casa e também não quer ter um trabalho de faz-de-conta. A mulher investe no estudo e na carreira profissional porque deseja respeito e poder. Elas escolhem ter um ou até dois filhos nas férias ou na época de estudos. Mas muitas decidem por nenhum filho. O tempo da mulher moderna é sempre bem ocupado. Tricotar, jamais. Tempo livre é ócio criativo. Mas a mulher moderna odeia pensar no tempo como sinônimo da perda de juventude. Parece que as mulheres conseguiram tudo o que queriam. Elas ocupam todas as profissões, podem casar e divorciar, colocar silicone e nunca ter filhos. Então, o que ainda falta para as conquistas femininas? Ou quais vitórias não valeram a pena? A mulher moderna é adimirada e, ao mesmo tempo, criticada. Muitas perguntas ninguém responde, talvez nem mesmo as próprias mulheres. A única certeza é que os avanços são irreversíveis.

 

O que as mullheres ainda querem?